quarta-feira, 14 de abril de 2010

O que Rogério Borges pensa do Amapá

Clique para visualizar


Respostas

Amapá, uma abstração? – Por Kelly Tork

Já dizia o pensador chinês Confúcio: “A ignorância é a noite da mente: mas uma noite sem lua e sem estrelas”. Ninguém é obrigado a saber tudo. Tudo bem. No entanto, a maior virtude do ser humano é, ao se deparar com a falta do saber, buscar a luz do conhecimento.

Em tempos de internet 2.0, o que não dá é pra incorporar a síndrome de Gabriela: “eu nasci assim, eu cresci assim, vou ser sempre assim…”. Ainda que não se queira utilizar as tradicionais (e alguns até diriam, chatas) fontes de pesquisa, como sites de notícia e enciclopédias, outras possibilidades existem, como o divertido e colorido “Orkut”, os amigos virtuais do “MSN”, ou o até a febre do momento, o “Twitter”. Na falta disso, vale apelar para os antiquados meios de comunicação como TV, rádio ou jornal.

Mas o que não dá pra aceitar mesmo é que uma pessoa que repassa suas impressões, (de)formadora de opinião, transmita a escuridão de seus pensamentos para aqueles que o rodeiam. Eu, jornalista que sou, estudiosa dos fenômenos da mídia (e por isso busco observá-los da maneira mais imparcial possível), senti vergonha ao ler um texto sobre o Amapá escrito por Rogério Borges e veiculado no Magazine Popular, de Goiânia.

Não, não. Não se antecipe em pensar que fiquei horrorizada com algum fato narrado que por aqui se passou. Antes fosse, mas nada disso. Minha decepção foi ao ver o nobre colega dizer que não acredita que o Amapá exista simplesmente porque ele não o conhece ou porque a Globo nunca fez uma minissérie sobre o Estado.

Rogério e leitor, se me permitem, vamos pegar uma pequena lanterna e clarear alguns fatos. A despeito do que afirma o ilustre colunista, o Amapá já foi sim notícia em várias grandes emissoras de TV, como SBT, Record e até (pasmem!!) a Rede Globo. Sim, correspondentes nacionais da “toda poderosa” já estiveram no Estado algumas vezes para Globo Repórter, Globo Esporte e Globo sei lá mais o que. E não é de hoje que os fenômenos naturais como o Equinócio e a Pororoca chamam a atenção do Brasil e do Mundo para a região.

Bem, se você pesquisou um pouco mais, pode até argumentar esses espetáculos não são privilégio exclusivo do local. De fato, não são. Mas a Fortaleza de São José, maior fortificação portuguesa construída no Brasil, é. E digo mais, sabiam que ela (ao lado do Cristo Redentor, do Maracanã e outras mais) foi eleita uma das 7 maravilhas do Brasil?

Em 2008, a Escola de Samba do Rio de Janeiro Beija-Flor foi campeã com um enredo que relatava o que mesmo?? Ah, aquela cidade às margens do maior rio do mundo localizada sobre uma linha imaginária que, segundo Borges, não existe. O que? Vai dizer que, porque nunca viu, o Rio Amazonas também não existe? Nesse caso, serei obrigada a lhe apresentar um senhor que sabe de muitas coisas chamado “Google”, dele você ouviu falar, não?

Tá certo que nossa exportação não é assim tão expressiva, mas exportamos sim. Exportamos minérios, soja, pescado e até talentos. Já assisti, mais de uma vez, Fernanda Takai, vocalista da Banda Pato Fu, declarar que nasceu em Serra do Navio. Fora alguns outros talentos que vez por outra aparecem nos grandes programas de entretenimento – Convenhamos que qualquer outra coisa fora do eixo Rio-São Paulo- Bahia recebe menor atenção da mídia. O que não quer dizer que eles não existam. Aqui temos grandes músicos, poetas, escritores, pintores, artistas de uma forma geral.

Voltado ao amigo de Goiás, sinceramente, fiquei em dúvida se o que presenciei foi pura ignorância ou apenas uma tentativa infeliz de autopromoção. De qualquer modo, se ainda duvida da existência do Amapá, é só sair da comodidade do seu mundinho e vir tomar açaí, comer maniçoba, dançar marabaixo e sentir a hospitalidade de um povo que recebe a todos de braços abertos. Vou dar a dica: nem precisa pedir pózinho da fada Sininho, as companhias aéreas já operam pra cá.

Ah, já ia esquecendo…quanto ao Sarney, eu me rendo, devo admitir que esse sim é uma lenda. Um mistério que ninguém consegue compreender.

*Jornalista, especialista em Comunicação e Política, professora do curso de comunicação.

Se o jornalista quis chamar a atenção, ele conseguiu. Sobretudo por ter sido tão infeliz, expondo sua opinião de forma grosseira e preconceituosa .

Bjs

21 comentários:

Lili Batista disse...

é..que ele venha ao estado... mas não com nosso dinhero... ja basta ele falar mal... e ainda vir aqui com o dinheiro do povo que naum existe? eu nem faco questao que ele venha...é um idiota

Eliana Gerânio Honório disse...

Amiga, vim aqui...!
Um dia vou ai
porque a amo.
Amo sua alma, seu coração generoso...


Beijão!

HelianaB disse...

o papaleo disse tudo. sem tirar um ponto, concordo. no auge de sua ignorancia, esse tal Borges consegiu se promover como o acra mais idiota e ignorante do brasil!

Carlos Emerson Jr. disse...

A propósito, quem é Rogério Borges ? Engraçado, apesar de não conhecer fisicamente o Amapá, tenho um monte de bons amigos blogueiros lá do norte do país. Mas Rogério Borges, confesso, nunca ouvi falar.

Será que Rogério Borges existe ?

Ernâni Motta disse...

Bete,
A democracia, em seu estado mais escancarado ou devasso, permite que pessoas, como esse rapaz, ocupem espaço que deveria ser usado por quem tem o mínimo de conhecimento, senso crítico, olhar para além do próprio umbigo. É evidente que ele não sabe o que escreveu, vê-se que o fez pelo reles compromisso, com um tabloide de quinta categoria, de destilar ignorância e provocações chulas e inócuas. O jornalismo, você sabe melhor do que eu, tem sido mutilado em sua essência, por figuras, como o senhor Rogério, privilegiadas com espaços que deveriam ser ocupados por quem tem zelo pelo conhecimento, afinidade com a cultura, dedicação à educação. Reconheço, dar-lhe atenção é perder o nosso tempo, ainda que os que não conhecem o Amapá mereçam uma mostra da sua importância para a História do Brasil, e para não permitir que energúmenos de tal monta destilem as suas verborragias, sem qualquer resposta.
Tenha um ótimo fim de semana!
Beijos.

paul disse...

oi, Rogério, sou Paulo e moro no Oiapoque O lugar que tu citastes como "que diabos é um Oiapoque". Pois bem,o Oiapoque é o unico lugar do Norte do pais em que os europeus querem "meter a mao", pois aqui é
a cidade do ouro.
Apesar de mais da metade da minha familia ser dai mesmo, do Goias, nunca foi falado mal daqui.
Pelo menos o amapá já era habitado antes de Goias se tornar o que é hoje: apenas um imenso serrado numa terra de niguém.
E bem, a maioria dos oiapoquenses sao bilingues e alguns trilingues, pela diversidade de cultura que é trocada entre nos e a comunidade europeia, ao contrario do portugues "enrolado" que voces falam aí.
Pergunta de algum turista se ele conhece Goiania e depois se ele conhece o Oiapoque. No Brasil o nome "Oiapoque" é bem mais conhecido que o de qualquer lugar do teu estado.
E cuidado:as autoridades daqui estao bem zangadas contigo, o governador ja pensa, junto com outros do Norte, processar o teu jornal popr difamaçao.
Bon, alors réfléchis à deux fois avant d'écrire quelque chose sur un endroit que tu ne connais pas!

paul disse...

oi, Rogério, sou Paulo e moro no Oiapoque O lugar que tu citastes como "que diabos é um Oiapoque". Pois bem,o Oiapoque é o unico lugar do Norte do pais em que os europeus querem "meter a mao", pois aqui é
a cidade do ouro.
Apesar de mais da metade da minha familia ser dai mesmo, do Goias, nunca foi falado mal daqui.
Pelo menos o amapá já era habitado antes de Goias se tornar o que é hoje: apenas um imenso serrado numa terra de niguém.
E bem, a maioria dos oiapoquenses sao bilingues e alguns trilingues, pela diversidade de cultura que é trocada entre nos e a comunidade europeia, ao contrario do portugues "enrolado" que voces falam aí.
Pergunta de algum turista se ele conhece Goiania e depois se ele conhece o Oiapoque. No Brasil o nome "Oiapoque" é bem mais conhecido que o de qualquer lugar do teu estado.
E cuidado:as autoridades daqui estao bem zangadas contigo, o governador ja pensa, junto com outros do Norte, processar o teu jornal popr difamaçao.
Bon, alors réfléchis à deux fois avant d'écrire quelque chose sur un endroit que tu ne connais pas!

paul disse...

oi, Rogério, sou Paulo e moro no Oiapoque O lugar que tu citastes como "que diabos é um Oiapoque". Pois bem,o Oiapoque é o unico lugar do Norte do pais em que os europeus querem "meter a mao", pois aqui é
a cidade do ouro.
Apesar de mais da metade da minha familia ser dai mesmo, do Goias, nunca foi falado mal daqui.
Pelo menos o amapá já era habitado antes de Goias se tornar o que é hoje: apenas um imenso serrado numa terra de niguém.
E bem, a maioria dos oiapoquenses sao bilingues e alguns trilingues, pela diversidade de cultura que é trocada entre nos e a comunidade europeia, ao contrario do portugues "enrolado" que voces falam aí.
Pergunta de algum turista se ele conhece Goiania e depois se ele conhece o Oiapoque. No Brasil o nome "Oiapoque" é bem mais conhecido que o de qualquer lugar do teu estado.
E cuidado:as autoridades daqui estao bem zangadas contigo, o governador ja pensa, junto com outros do Norte, processar o teu jornal popr difamaçao.
Bon, alors réfléchis à deux fois avant d'écrire quelque chose sur un endroit que tu ne connais pas!

paul disse...

ben, ami, la petite communauté A côté de l'Oyapock, se révolte avec tout ce que tu as dit sur nous, parce que plus de la moitié de la population au-delà est brésilienne aussi et ils ont un pouvoir plus grand que le nôtre.
Fais attention à tout ce que tu ecris...je t'avis!
Lopes PAULO, Oyapock.

danyluz disse...

Esse cara é muito grotesco!!!
É bom mesmo que ele esteja sendo processado por difamação, calúnia e muitas outras coisas!
Se fossemos falar do estado ou cidade que ele mora, do mesmo modo que ele falow aí do Amapá oq será q ele faria???

Hum pois é os INDIOS AQUI DO AMAPÁ QUE SABEM DE TUDO QUE ELE FALOW E NAUM GOSTAMOS NEM UM POUCO!

AH E UMA OUTRA COISA NÓS SOMOS PESSOAS COMO QUALQUER OUTRA DE QUALQUER OUTRO LUGAR NO BRASIL E DO MUNDO!!!

AS PESSOAS DESINFORMADAS SÓ FALAM MERDA MESMO!

BEIJOS!

ATÉ OUTRO DIA!
;D

Sonia H disse...

Querida Bete,
Rogério Borges? Quem é??? Nunca ouvi falar...
Mas o texto foi muito bem escrito e acredito que o senador de teu estado soube 'lavar a alma'de todo cidadão amapaense que se sentiu ofendido pela ignorância do jornalista goaiano. Pois é assim que eu me sentiria: ofendida.
Este Brasil é imenso e a grande maioria da população talvez nunca tenha a oportunidade de visitar todas as extremidades desse país continental.
Viva o Amapá! Um dia ainda irei aí, Bete! Se Deus me permitir!
Beijos,

Anônimo disse...

... que filha de uma égua!

sera que esse miseravel nunca estudou geografia?

que merda de jornal é esse, que da um espaço pra um cavalo desse escrever suas besteiras...

as autoridades do estado do amapa, ja estao tomando as providencias contra este cavalo, e ele vai pagar caro, por falar besteiras...

aproveito a oportunidade e lhe convido pra fazer uma visita aqui no nosso estado, pois sera bem recebido....

ass: Familia Dias

Diones disse...

Que tipo de Jornalista idiota é esse Rogério Borges que fala uma merda dessas!! Além dele não conhecer nosso Estado, ele mostra-se ignorante na maioria de suas palavras, principalmente quando diz que aqui não existe escândalos de corrupção!! vem cá, ele só pode ser doido pra falar uma asneira dessa!!! Devia também conhecer a nossa música amapaense, muito agradável e melhor do que aquela porcaria de musica sertaneja que é feita no estado desse idiotazinho!!

Anônimo disse...

Será que eu sou do mundo do Peter Pan e não sabia? Porque moro no Amapá e existo,não sou uma "abstração" como relatou o Sr.Rogério Borges. Acredito que quem deve ser uma abstração são essas pessoas que não procuram buscar conhecimento para criar um artigo mediocre como esse!

Fala sério,será q esse cara nunca tomou um açaí,mesmo que seja aquele suco q oferecem ai no sul? Pois é,o açaí também sai daqui do Amapá,se Sr. Rogério não sabe!

Aliás ele não deve nem conhecer o conceito de respeito e cultura,pois ele sinceramente não possui nenhum respeito pela nossa linda cultura,que aliás ja encantou muitos estados por ai!

E se ele não sabe daqui do estado saiu a vencedora do concurso "Beleza na Favela" apresentado pela Aninha la no programa "Hoje em dia" da rede Record!

Se você disser que o Amapá ainda não existe,vá a um aeroporto e peça uma passagem para o Amapá que com certeza eles terão uma e muitas outras para sua familia também!

"Minha cidade é tão linda,quando é noite de lua cheia,a maré lançante batendo no quebra-mar,a luz da lua é quem clareia,na pedra encantada meu São josé,abençoa quem parte e quem chega,na beira do rio o vento norte assanha os cabelos de quem passeia.
Minha Macapá,minha rosa,minha assuncena,terra do batuque e do marabaixo......."


Essa música diz tudo,procure conhecer nosso estado e lhe prometo q não vai se arrepender,vc vai gostar de ser recebido por um
povo hospitaleiro,de bem com a vida!

Ah e se vc diz que um estado sem escandalos não existe,a partir do momento que você vier aqui,você passará a acreditar,porque nossos governantes sabem realizar um bom trabalho e sem escandalos!

Amapá terra de muitos encantos que são verdadeiros e existem!

Anônimo disse...

isso é uma palhaçada eu sou do amapa e aqui tem muita coisa sinto muito q uma cara burro nunk estudo historia,e como deram emprego a uma pessoa assim.q nao tem cultura bjos.suzane

Lucas Michel disse...

Como é que alguem pode ser tão burro a tal ponto, ou simplesmente tão preconceituoso, deu desculpas esfarrapadas, coisas nada a ver com nada. É vergonhoso, sinceramente, o sujeito queria chamar a atençao e conseguiu, como um idiota quase sempre consegue.

nazare disse...

ESSE BORGES NÃO TEM O SENSO DO RIDICULO, VER SE VOCÊ EM VEZ DE SER JONALISTA VIRA TURISTA.
FRANCAMENTE O INIMIGO E SUJO.
SOU AMAPAENSE DE CORAÇÃO
TERRA BOA DE SE VIVER.

William Bento Pereira disse...

O nome desse rapaz não deveria está sendo mencionado por nós amapaenses, pessoas desse nível deveriam ser simplesmente desprezados. Infelicidade total, ele atingiu um povo trabalhador e conquistador, fico triste em conhecer o trabalho de um... jornalista? não, esse rapaz não tem profissão, como que um analfabeto cultural, geográfico e social pode ser chamado de profissional? Aqui se faz, aqui se paga!
Meus lamentos a esse rapaz.

William Bento Pereira

Jane Mira disse...

O PALHAÇO VOCÊ TAMBÉM NÃO SABE QUE LUGAR DE PALHAÇO É NO CIRCO E NÃO EM UMA REDAÇÃO DE JORNAL...
SEM QUERER OFENDER É CLARO ESSA CLASSE...
VOCÊ TEM QUE COMEÇAR TUDO DE NOVO POR QUE NÃO APRENDEU NADA. O AMAPÁ É O MELHOR LUGAR PARA SE VIVER, VOU TE INFORMAR O PQ: NÃO TEM MORRO DESABANDO; ESTAMOS LIVRES AINDA DE TERREMOTOS E FURACÕES, NÃO É BALA PARA TODOS OS LADOS, ANDAMOS NAS RUAS DESPREOCUPADOS E ALÉM DE TUDO É O ESTADO MAIS PRESERVADO DE TODO O MUNDO...
TÁ BOM OU QUER MAIS...
É UM ESTADO ABENÇOADO!
TENHO MUITO ORGULHO DO MEU ESTADO E VOU DEFENDER ELE COM UNHAS E DENTES DE DESENFORMADOS E PRECONCEITUOSOS COMO VOCÊ...
PALHAÇO!
MAIS UMA COISINHA, EXPERIMENTA EM COLOCAR ESSES SEUS PÉS FEDIDOS EM TERRA LIMPA QUE VOCÊ VAI VER COM QUANTOS PAUS SE CONSTRÓEM UMA CANOA...
DAQUI NÃO SAIO, DAQUI NINGUÉM ME TIRA...

Eu, sem clone disse...

Eh, ele deveria vir conhecer a maternidade e aih ele veria que o Amapa não é uma abstração. Que que é isso!

Pamela disse...

fdp, como vocês podem ser tão ignorantes, estupidos, miopes? Isso ai no texto do rogério se chama sarcasmo, ironia, uma figura de linguagem rs Vocês só podem estar brincando com esses comentários.